A Chr. Hansen amplia a biblioteca de cepas para a próxima geração de probióticos

A Chr. Hansen amplia a biblioteca de cepas para a próxima geração de probióticos
Comunicado de imprensa | Jun 12. 2017 10:47 GMT

A pesquisa sobre o microbioma humano explodiu nos últimos anos e mostrou ser da maior importância para a saúde e a doença humanas, criando oportunidades para o desenvolvimento da próxima geração de probióticos. Por essa razão, a Chr. Hansen tem orgulho em anunciar que agora nós expandimos nossa biblioteca de cepas de nível internacional de potenciais cepas moduladoras do microbioma.

"Como parte da estratégia No. 1 da Natureza, a Chr. Hansen tem um foco estratégico no microbioma humano. Podemos anunciar que estamos fazendo progressos significativos nesta área. Nas mais de mil cepas recentemente triadas do microbioma humano, identificamos um subconjunto de 100 que podem ser desenvolvidas para uma ampla gama de indicações de saúde associadas à saúde gastrointestinal, imunológica e metabólica", explica Johan van Hylckama Vlieg, VP de Microbioma e inovação na saúde humana.

Acrescentar uma coleção bem documentada de novas cepas a partir de espécies do microbioma, por exemplo, Faecalibacterium prausnitzii e Eubacterium hallii amplamente consideradas como as principais candidatas à próxima geração de probióticos é um marco importante.

Essas cepas serão utilizadas nos esforços de inovação internos da Chr. Hansen bem como também serão disponibilizadas a parceiros externos e clientes que buscam acelerar o desenvolvimento da próxima geração de probióticos.

Solucionando desafios de segurança e industrialização

Desenvolver cepas bacterianas do microbioma humano como a próxima geração de probióticos para aplicações Alimentícias, Nutricionais, Infantis e Farmacêuticas apresenta desafios únicos. Muitas das espécies relevantes não têm histórico de comercialização. Até recentemente eram descritas como difíceis de cultivar e necessitavam de técnicas radicalmente novas para o cultivo e produção.

As cepas na coleção de cepas da Chr. Hansen passaram por uma rigorosa avaliação de segurança e podem ser modificadas para produção e formulação em ambiente industrial.

"Nossa avaliação de segurança inclui triagem para ausência de resistência a antibióticos e fatores de virulência. Nós também investigamos sua capacidade de crescer em meio industrializado e sensibilidade ao oxigênio. E agora investigamos a capacidade das cepas de interferir no sistema imunológico", explica Gemma Henderson, Cientista sênior.

Parcerias acadêmicas

O trabalho foi realizado em parceira entre a Chr. Hansen e três institutos acadêmicos: Gut Health [Saúde Intestinal], The Rowett Institute [Instituto Rowett], Universidade de Aberdeen; Host-Microbe Interactomics [Interações Hospedeiro-Micróbio], Universidade de Wageningen e Pesquisa, e Medical Microbiology [Microbiologia Médica], UMCG, Universidade de Groningen.

"Agora nós temos uma pequena seleção de cepas que acreditamos terão maior interesse para os inovadores no espaço do microbioma, que estão buscando desenvolver a próxima geração de probióticos e bioterapêuticas vivas. O nosso objetivo é ajudar clientes e parceiros a trazer essas novas cepas documentadas do laboratório para a clínica", conclui Gemma.

Congresso de descoberta e desenvolvimento do microbioma

No Congresso de descoberta e desenvolvimento do microbioma, em Berlim, durante a semana, serão discutidas novas estratégias na pesquisa do microbioma, os desafios na sua comercialização e as mais recentes tendências terapêuticas.

Oferecendo mais informações sobre a abordagem utilizada para criar a biblioteca ampliada de cepas da Chr. Hansen, Johan fará uma apresentação com o título de Explorando as coleções de cepas microbianas do intestino humano para a próxima geração de probióticos.

Para outras informações, contate

Johan van Hylckama Vlieg

DKJOHV@chr-hansen.com

+45 5339 2132


A Chr. Hansen é uma empresa líder global de biociência, que desenvolve soluções naturais para as indústrias alimentícia, nutricional, farmacêutica e agrícola. Desenvolvemos e produzimos culturas, enzimas, probióticos e corantes naturais para uma ampla variedade de alimentos, confeitos, bebidas, suplementos nutricionais, rações animais e proteção vegetal. A nossa inovação em produtos se baseia em cerca de 40 mil cepas microbianas – nós gostamos de chamá-las de “bactérias boas”. Nossas soluções permitem aos fabricantes de alimentos produzir mais com menos – ao mesmo tempo que reduzem o uso de produtos químicos e outros aditivos sintéticos –, tornando nossos produtos altamente relevantes no mundo atual. Sustentabilidade é uma parte essencial da visão da Chr. Hansen para melhorar os alimentos e a saúde. Em 2019, a Chr. Hansen foi considerada a empresa mais sustentável do mundo pela Corporate Knights, graças aos nossos esforços em prol da sustentabilidade e às muitas parcerias colaborativas com os nossos clientes. Há mais de 145 anos nós satisfazemos os nossos parceiros e, por extensão, os nossos consumidores finais em todo o mundo. Temos orgulho pelo fato de que mais de 1 bilhão de pessoas consome diariamente produtos contendo os nossos ingredientes naturais. A Chr. Hansen foi fundada em 1874 e está listada na Nasdaq Copenhagen.

Compartilhe